top of page
  • gt4975

A emoção sobe no regresso do Iberian Supercars


A temporada do Iberian Supercars Endurance é retomada no próximo fim-de-semana, tendo como palco o Circuito de Jerez, Espanha, onde se espera muita animação e lutas em pista.


O traçado da Andaluzia, que foi o cenário durante anos do Grande Prémio de Espanha, alberga terceira etapa da mais importante competição de velocidade da Península Ibérica que, uma vez mais, apresenta uma lista de inscritos extensa e de qualidade, com máquinas exóticas e competitivas e pilotos que prometem um elevado nível em pista.


Com o início da segunda metade da temporada, todos os resultados contam para o desfecho das classificações e o Circuito de Jerez, que regressa à competição depois de um ano de interregno, será o teatro de intensas lutas pelas honras máximas.


Na GT4 Pro temos assistido a uma grande batalha entre o Mercedes AMG GT4 de Nuno Pires e Elias Niskanen e o BMW M4 GT4 de José Carlos Pires e Francisco Abreu, que dividiram entre si as vitórias nas corridas até agora disputada – a dupla da Lema Racing impuseram-se no Algarve e o duo da Speedy Motorsport em Jarama.


No entanto, outras equipas têm dado mostras de competitividade, como é o caso da Racar Motorsport, que, também com um carro de Estugarda, venceu à classe a segunda prova de Vila Real, segundo posto da geral. Para o final da temporada, Manuel Gião terá um novo colega de equipa, Roberto Faria, que este ano disputou a FIA Fórmula 3, sendo o duo luso-brasileiro um contendor a ter em conta na luta pelas vitórias.


Tanto o McLaren 570S GT4 da SMC Motorsport, dividido por Andrius Zemaitis e Alejandro Geppert, como o BMW M4 F82 da Batina Racing, partilhado por Sérgio Azevedo e Orlando Batina, têm mostrado a espaços competitividade para se baterem pelos lugares do pódio e o circuito andaluz poderá ser o palco onde definitivamente concretizem o potencial que já demonstraram ter.


Aos comandos Ginetta G55 GT4 da Tockwith Motorsports continuarão Bruno Pires e Fábio Mota que tem tido alguns problemas com o seu carro. Contudo, a pista que representa a segunda visita da competição a Espanha poderá permitir que a irreverente máquina britânica exprima melhor as suas características, sendo um candidato à luta pelos lugares do pódio.


Também determinados em voltar aos bons resultados estarão Guillermo Aso e Gilles Vannelet que no Mercedes AMG GT4 da NM Racing Team esperam reencontrar em Jerez o caminho do pódio.

Se entre os GT4 Pro a batalha promete ser dura, na GT4 Bronze não será menos intensa, com seis equipas em liça.


As novidades são o Mercedes AMG GT4 da JC Group Racing Team pilotado a solo por Gabriela Correia e o novíssimo Aston Martin Vantage AMR GT4 inscrito pela Racar Motorsport e que será dividido por Ruben Vaquinhas e Alexandre Martins.


São dois concorrentes que darão ainda mais cor ao pelotão e que poderão ser candidatos aos lugares do pódio na divisão.


No entanto, espera-se mais um duelo fortíssimo entre o Audi R8 LMS GT4 da Veloso Motorsport, dividido por José Rodrigues e Patrick Cunha, e o Mercedes AMG GT4 da NM Racing Team, pilotado por Alberto de Martín e Nil Montserrat, pelos triunfos de Jerez.


Se estes são os principais candidatos ao triunfo na GT4 Bronze, tanto Alfonso Colomina, em McLaren 570S GT4 da SMC Motorsport, como Luís Calheiros e Paulo Macedo, em Mercedes AMG GT4 da Lema Racing, têm vindo a evoluir ao longo da temporada e serão, no mínimo, candidatos aos lugares do pódio.


Entre os Turismo a concorrência será ainda mais forte em Jerez, com sete carros inscritos nesta categoria.


Daniel Teixeira, em Cupra TCR da JT59 Racing, tem sido o grande dominador entre os TCR, mas na pista espanhola terá a oposição de José Correia e Beatriz Correia, num carro semelhante da JC Group Racing Team, e de Manuel Sousa e Luís Silva, também numa máquina da marca do país vizinho, mas inscrito pela Grupo TDS.


O piloto de Murça será o favorito ao triunfo na sua divisão, mas desta feita a oposição será mais forte, obrigando-o a dar o seu melhor, como tem sempre tem feito.

O mesmo se passa na divisão TC, onde Borja Hormigos e Héctor Hernández, em BMW M240I Racing da Autoworks Motorsport, têm sido mais fortes. Porém, no próximo fim-de-semana a oposição será ainda mais forte.


A PRM Racing inscreverá dois Mini Cooper F56, um para Alejandro Barambio e Antonio Albacete e outro para Javier Serrano e Cesar Moreno, sendo um dos grandes motivos de interesse do fim-de-semana perceber a competitividade do endiabrado carro inglês relativamente à máquina de Munique.


A animar ainda mais a divisão TC estará o Ginetta G40 da Monteiros Competição, que será dividido por dois jovens lobos – Miguel Romero e Manuel Almeida – que não quererão deixar de marcar a sua presença em pista de uma forma positiva.


Na GTX, a dupla do Aston Martin Vantage AMR da Araújo Competição, Álvaro Ramos e Fernando Soares, partem como favoritos, mas desta vez terão uma novidade no campo dos adversários.


André Nabais e Miguel Nabais substituíram o Porsche Cayman GT4 Clubsport por um ainda mais performante McLaren 570S Trophy, sempre operado pela Speedy Motorsport. Muito embora a dupla de irmão tenha de passar por um período de adaptação à sua nova máquina, poderão ser oponentes mais acutilantes ao duo do carro da Gaydon.


Do lado da Tockwith Motorsports estarão dois ágeis Ginetta G50 – um para Steve Kirton e Jonathan Elsworth e outro para Tomás Pinto Abreu e Simon Moore – estando qualquer uma destas duplas dispostas a contrariar o ascendente dos seus rivais e assegurar uma subida ao pódio.


Há ainda que contar com o Porsche 911 Cup inscrito pela equipa britânica para Marcus Fothergill e Dave Bennett, que animam sempre a luta na categoria GTC, contribuindo para o espetáculo aos comandos do imponente carro de Weissach.


Os dados estão lançados e, com um pelotão de vinte e cinco carros, os motivos de interesse e as emoções fortes serão uma certeza, podendo as duas corridas de quarenta e cinco minutos, ambas realizadas no domingo, ser seguidas nas redes sociais da competição, sendo a primeira também transmitida em directo na A Bola TV e a segunda em diferido, a partir das 18h30.


O programa oficial da ronda do Circuito de Jerez do Iberian Supercars Endurance, que integra o Jerez Historic Festival, começa na sexta-feira, com os treinos-livres, realizando-se as qualificações no sábado.


Comments


bottom of page